You are here
Home > Espiritualidade > Devoções > Os Papas e os Anjos

Os Papas e os Anjos

“Não são eles todos espíritos ao serviço de Deus
enviados a fim de exercerem um ministério a favor
daqueles que hão de herdar a salvação?” (Hb. 1,14)

A beleza e o amor de Deus transparecem também na criação dos anjos. Os Santos e os Papas nos ensinam muito sobre estes seres espirituais, auxiliares nossos que somos convidados a conhecer e com eles criar intimidade no caminho da salvação.

São João Paulo II nos ensina que “Os anjos são, pois, seres pessoais e, como tais, também eles criados à “imagem e semelhança” de Deus. A Sagrada Escritura refere-se aos anjos usando também apelativos não só pessoais (como os nomes próprios de Rafael, Gabriel, Miguel), mas também “coletivos” (como as classificações de: serafins, querubins, tronos, potestades, dominações, principados), assim como faz uma distinção entre anjos e arcanjos.”

“Esses seres possuem “missão especial” na história da salvação. A invisível presença destes Espíritos bem-aventurados é-nos de grande ajuda e conforto… Muitos Santos mantinham com os Anjos uma relação de verdadeira amizade e numerosos são os episódios que testemunham a sua assistência em ocasiões particulares. Os Anjos são enviados por Deus…, para servir aqueles que são os herdeiros da salvação. Um válido auxílio na peregrinação terrena rumo à Pátria celeste.” – Papa Bento XVI

“No caminho e nas provações da vida não estamos sozinhos, mas somos acompanhados e amparados pelos Anjos de Deus que oferecem, por assim dizer, as suas asas para nos ajudar a superar muitos perigos, para podermos voar alto em relação àquelas realidades que podem pesar sobre a nossa vida ou arrastar-nos para baixo”. – Papa Francisco

Enfim, “o anjo é uma criatura que está diante de Deus, orientada com todo o seu ser para Deus. Os três nomes dos Arcanjos terminam com a palavra “El”, que significa “Deus”. Deus está inscrito nos seus nomes, na sua natureza. A sua verdadeira natureza é a existência em vista dele e para Ele. Explica-se precisamente assim também o segundo aspecto que caracteriza os anjos: eles são mensageiros de Deus. “Trazem Deus aos homens, abrem o Céu e assim abrem a Terra”. – Papa Bento XVI

Com as orações devotas aos arcanjos esperamos abrir o céu e a terra a todos aqueles que buscam a beleza, o amor e auxílio de Deus.

As orações aqui postadas foram compostas pelo Papa Leão XIII:

Orações aos Arcanjos

Marcelo Barroso
Marcelo Barroso
Marcelo Barroso, rondoniense, membro da comunidade católica Totus Mariae. Conselheiro do Núcleo de Fé e Cultura - PUC/SP, Engenheiro Civil, Doutor em Engenharia Hidráulica e Saneamento pela USP e coordenador do curso de Engenharia de Inovação do ISITEC/SP.

3 thoughts on “Os Papas e os Anjos

Deixe uma resposta

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Top