You are here
Home > Igreja Católica > As Jornadas Mundiais da Juventude, a Cruz e o Ícone

As Jornadas Mundiais da Juventude, a Cruz e o Ícone

Tudo começou com o Ano Jubilar da Redenção, em 1983. João Paulo II chamou os jovens do mundo inteiro para irem celebrar com ele o “Jubileu Internacional da Juventude”, no Domingo de Ramos de 1984. Mais de 300 mil jovens atenderam ao convite!

No encerramento, João Paulo II entregou aos jovens a Cruz do Jubileu, uma grande cruz de madeira com uma mensagem:

PlacadaCruz“Queridos jovens, ao encerrar o Ano Santo confio-vos o símbolo deste Ano Jubilar: a Cruz de Cristo! Levai-a pelo mundo como sinal do amor do Senhor Jesus pela humanidade e anunciai a todos que somente no Cristo morto e ressuscitado há salvação e redenção.” (João Paulo II, Roma, Páscoa de 1984; Encerramento do Ano Jubilar da Redenção)

Essa Cruz efetivamente peregrinou por vários países da Europa, inclusive pelos que estavam ainda atrás da Cortina de Ferro, isto é, os que viviam sob regime comunista.

No ano seguinte, 1985, o encontro do Papa com os jovens de todo mundo tornou a ser realizado, pois a ONU declarou aquele como Ano Internacional da Juventude. A pronta resposta dos jovens ao convite animou o Santo Padre a tornar este um evento perene em todo Domingo de Ramos. A primeira vez como Jornada Mundial da Juventude aconteceu em Roma. Já em 1987 foi em Buenos Aires. A partir de então, a Jornada é realizada em algum país do mundo a cada dois anos, em média, e nos outros anos é feita no âmbito das dioceses.

Em 1994, a Cruz passou a peregrinar no país que hospeda a próxima Jornada Mundial da Juventude, como preparação espiritual para o evento.

ícone-da-Virgem-da-JMJEm 2003, na 18ª JMJ, o ícone de Nossa Senhora passou a acompanhar a Cruz em suas peregrinações. Esse ícone é cópia fiel do que está na Basílica de Santa Maria Maior, chamado “Salus Populi Romani” – Salvação do Povo Romano:

“Hoje eu confio a vocês… o ícone de Maria. De agora em diante, ele vai acompanhar as Jornadas Mundiais da Juventude, junto com a cruz. Contemplem a sua Mãe! Ele será um sinal da presença materna de Maria próxima aos jovens que são chamados, como o apóstolo João, a acolhê-la em suas vidas” (Roma, 18ª Jornada Mundial da Juventude, 2003).

 

 

Referência:

Ver também:

Totus Mariae
Totus Mariae
Comunidade Totus Mariae
Top